FORO DE VIGILANTES DE SEGURIDAD Y NOTICIAS
REGISTRATE Y CONECTATE AL FORO Y PODRAS VER Y DESCARGAR MUCHOS CONTENIDOS QUE EN EL SE ENCUENTRAN Y QUE AHORA NO PUEDES VER.

DOCUMENTOS PARA VIGILANTES, LIBROS GRATIS Y OTROS . INSPECCIONA EL FORO Y BUSCA LAS DESCARGAS.

NO TE LO PIENSES Y PASA A FORMAR PARTE DEL MEJOR FORO DE SEGURIDAD PRIVADA EN ESPAÑA

Academia controlum seguridad



siguenos en Google+Canal de youtubesiguenos en Twittersiguenos en facebook


Buscar
Resultados por:
Búsqueda avanzada




CONSEJOS PRACTICOS PARA VIGILANTES DE SEGURIDAD

nueva ley de seguridad privada 05/2014
policia/seguridad privada
estatuto de los trabajadores
documentacion e informacion
Tabla Salarial 2018
convenio 2017-2020
legislacion y juridica
BOE
ley de enjuiciamiento criminal
codigo penal
guardia civil/ armas y explosivos
ministerio del interior
la constitucion
codigo civil



Comparte
Ir abajo
avatar
josepmarti
Administrador
Administrador
Mensajes : 15794
Fecha de inscripción : 08/01/2014
Localización : Tarragona
https://www.forodevigilantes.com
el Lun 22 Feb 2016, 12:18
Conforme informação dada no comunicado nº. 16/2016 – Boletim “O VIGILANTE” nº. 1/2016, os patrões, na última reunião de Conciliação realizada no passado dia 15 de Janeiro de 2016, comprometeram-se a apresentar uma proposta conjunta para negociações na reunião de 12 de Fevereiro.

A verdade é que, inacreditavelmente, nesta reunião, esta proposta conjunta não foi a apresentada pelos patrões! A AES (Associação de Empresas de Segurança) afirmou que não era possível a sua apresentação pelo facto de não ter havido consenso quanto à proposta entre as várias empresas associadas nesta Associação Patronal! Por fim, não se comprometeu a apresentar nenhuma proposta na próxima reunião.

[Tienes que estar registrado y conectado para ver esa imagen]

No entanto mostrou-se disponível para continuar a Conciliação com o STAD.
A outra Associação Patronal, a AESIRF ( Associação Nacional das Empresas de Segurança) , também não apresentou por escrito qualquer proposta. Contudo, expôs verbalmente comentários sobre algumas matérias (que parecem demonstrar alguma compreensão negocial) e comprometeu-se a apresentar, por escrito, uma proposta na próxima reunião de Conciliação.

Apesar destas posições, as Associações Patronais continuam a afirmar que estão disponíveis para continuarem o processo de Conciliação com o STAD. Mas, a realidade concreta, é que não houve qualquer progressos nesta reunião - ZERO!



É neste quadro muito complicado que temos estado a negociar e que no próximo dia 4 de Março no
Ministério do Trabalho, vamos continuar a negociar a revisão do CCT/STAD.


Os trabalhadores e trabalhadoras do sector da Segurança Privada estão unidos na defesa de um CCT com direitos justos e aumentos salariais dignos.


Não nos vão cansar ou vão desmobilizar as nossas justas reivindicações! Antes pelo contrário, isso torna-nos ainda mais fortes e decididos e, com a nossa união e força, caso seja necessário, convocaremos novas acções de lutas! Por isto, até à nova reunião de Conciliação de 4.Março.2016, a nossa decisão mantêm-se firme porque a Luta continua!

[Tienes que estar registrado y conectado para ver este vínculo]
Volver arriba
Permisos de este foro:
No puedes responder a temas en este foro.